Voz do MS

Turismo

Mirante do Pantanal terá escultura de Arara com 40 metros

Redação

[Via Correio do Estado]

O morro do Paxixi, localizado no distrito de Camisão, município de Aquidauna, abrigará um projeto de grande porte turístico para região: o Mirante do Pantanal. No local será produzida uma escultura que é marca registrada do artista plástico sul-mato-grossense, Cleir Ávila: uma arara azul com 40 metros de altura e envergadura.

No último sábado (14), uma visita técnica foi realizada na área que é considerada o portal de entrada do Pantanal Sul, além de ser um dos pontos preferidos por trilheiros e ciclistas, pela vista e pôr-do-sol deslumbrantes.

Para se ter uma ideia, o monumento só será menor do que o Cristo Redentor, do Rio de Janeiro, que mede 73 metros de altura e atualmente é a obra mais alta do Brasil. De acordo com a vice-prefeita de Aquidauana, Selma Suleiman, que acompanhou a visita, o novo cartão postal terá posição estratégica no desenvolvimento do turismo de toda região.

“Eu vi esse projeto no papel, ocasião em que o Cleir o apresentou para nós. É um sonho que será realizado, algo realmente grandioso que agora se tornará realidade. A expectativa é de que o projeto seja o ponto de partida para que o turismo em Aquidauana posso deslanchar de vez”, avaliou.

O projeto, que ainda será apresentado oficialmente ao Governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, também passou pelas mãos do turismólogo Matheus Dauzacker, que reforça:

“Esse projeto é antigo, já deve ter 12 anos. Quando eu estava na Secretaria de Turismo do município, tentei buscar recursos, mas não fui feliz. Agora, estamos refazendo um grupo, temos arquitetos, engenheiros, designers, ambientalistas, jornalistas, artistas, advogados, publicitários, especialistas em Cultura”, explicou.

O turismólogo ainda demonstrou entusiasmo sobre o andamento. “No momento em que estamos agora, já realizamos três reuniões e aumentamos as nossas expectativas. Essa obra terá uma importância fantástica para o nosso Turismo, para a questão do meio ambiente e da cultura de Aquidauana. Agora, colocaremos a ideia em prática”, complementou.

AVALIAÇÃO ARTÍSTICA

Cleir, que também é um dos idealizadores do projeto, diz que o ponto de partida sempre foi fazer algo para destacar o deslumbrante cenário natural.

“Quando surgiu a ideia de fazer o Mirante do Pantanal, do Movimento Arara Azul, descobrimos, após uma pesquisa, que ‘paxixi’, na linguagem dos índios da região, significa ‘panorâmico’. Aí casou tudo. Há vários anos estamos trabalhando nesse projeto, que ficou por um tempo engavetado, mas agora reunimos uma equipe de pessoas que enxergam o quanto é positivo criar esse monumento aqui, para toda a região”, destacou.

O Mirante do Pantanal será o segundo trabalho de Cleir em Aquidauana. O primeiro foi a escultura da índia terena localizada na Praça dos Estudantes.

“Tenho várias obras em Bodoquena, Bonito, Campo Grande, mas esta é uma região que conheço desde guri. Meus amigos iam para Piraputanga e eu vinha para Camisão. Sempre gostei muito, tenho muita intimidade com esse lugar, numa época eu nem fazia escultura ainda”, revelou o artista.

Comentários

Últimas notícias