Voz do MS

Geral

Mãe embebeda, agride com triciclo e queima mão do filho

Redação

[Via Correio do Estado]

Uma mulher de 25 anos foi presa em flagrante por policiais da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e Adolescente depois de embebedar o próprio filho, de 6 anos, lhe agredir com um triciclo na cabeça e queimar sua mão esquerda no fogão. A fúria foi motivada por um ato banal: o menino pegou R$ 1 dentro da bolsa da acusada para comprar chicletes.

O caso aconteceu no fim da tarde de terça-feira (6), no Jardim centro-Oeste, região sul. Segundo a Polícia Militar, o crime foi descoberto após vizinhos ligarem para o telefone 190 informando que o menino estava sendo torturado. A criança foi levada para atendimento na unidade de pronto-atendimento do bairro Universitário com um profundo corte na cabeça.

Questionado pelos PMs, o menino disse que as agressões eram sofridas diariamente, com o uso de cabos de vassoura e cinta. Vizinhos confirmaram o horror, falando que é habitual ouvir os gritos da vítima por toda a rua onde ela mora.

Autuada por maus-tratos, a mulher confessou a agressão pelo motivo desprezível. Porém negou que queimou a mão da criança. Ela teria se ferido ao mexer em uma panela quente no fogão.

Ainda de acordo com a versão dela, o hábito de embriaguar o menino se deve pelo fato de servir como um ‘anestésico’ e aliviar as dores das agressões sofridas.

O Conselho Tutelar foi acionado e cuida da guarda da criança. A mãe aguarda decisão da Justiça para saber se ficará presa.

Comentários

Últimas notícias