Voz do MS

Polícia

Pela 2ª vez no ano, Exército fiscaliza comércio de armas e munições no MS

Redação

[Via Correio do Estado]

A Diretoria de Fiscalização de Produtos Controlados (DFPC) iniciou nesta terça-feira (16), a 7ª edição da Operação Alta Pressão, com objetivo de fiscalizar o comércio de armas de fogo e munições.

A ação envolve 12 regiões militares do Exército brasileiro e a 9ª Região Militar que é responsável pelos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e o município de Aragarças (GO).

De acordo com informações da assessoria de comunicação, durante as ações  serão verificadas as documentações, condições de segurança, armazenamento, comercialização e o transporte, com base nas normas em vigor.

A fiscalização poderá se estender a outros Produtos Controlados pelo Exército (PCE), observado a necessidade e a conveniência, no decorrer da operação.

OBJETIVOS

As Organizações Militares que compõem o Sistema de Fiscalização de Produtos Controlados da 9ª Região Militar (SisFPC/9) realizarão a fiscalização de mais de 60 estabelecimentos, empregando aproximadamente 50 fiscais militares.

Conforme informado em nota oficial, “todo esse empenho tem como objetivo coibir o comércio de armas ilegais no país e intensificar as medidas de fiscalização na venda de armas de fogo e munições, contribuindo, significantemente, para a segurança da sociedade e a preservação da ordem pública”, pontua o documento.

Comentários

Últimas notícias