Voz do MS

Geral

Madrinhas usam turbante em casamento de noiva diagnosticada com câncer

Redação

[Via Correio do Estado]

As madrinhas de um casamento realizado em Uchoa (SP) se solidarizaram com a noiva, diagnosticada com câncer de mama, e usaram turbante para entrar à igreja durante a cerimônia. A noiva Roberta Bortosse, durante a cerimônia, usou um lenço para cobrir a cabeça já sem fios de cabelo por causa das sessões de quimioterapia.

“Ela tem muita vontade de viver, então é muito gratificante participar deste momento tão importante”, diz Irene Alves Arantes, amiga da noiva.

Roberta e o noivo Daniel têm dois filhos e estão juntos há 19 anos. No entanto, o casal nunca pôde realizar o sonho da noiva devido aos gastos. Além do companheirismo e empatia no casamento, os amigos e familiares do casal também se uniram para ajudar com os gastos e os detalhes da cerimônia e da festa.

“Eu me mobilizei e pensei em aumentar esta corrente do bem. Conversei com algumas amigas que tem um salão de cabeleireiro. Elas também se mobilizaram e presentaram a Roberta com o ‘dia da noiva’. Uma amiga fez as unhas dela e outra se mobilizou com o vestido de noiva e de daminha. Com isso nós montamos os elos desta corrente do bem”, explica a amiga da noiva Priscila Pinheiro Alonso.

Com a sensibilidade dos amigos, o sonho de Roberta se concretizava aos poucos. “Nesses últimos anos eu reforcei ainda mais minha vontade de casar. Quantas vezes vim aqui para a praça para sentar em frente à igreja e ver a noiva chegando. Sempre tive esta loucura, esta fissura por vestido de noiva e pela vontade de casar”, conta.

Vontade de viver

O diagnóstico da doença só fez com que o sonho de Roberta aumentasse. Há quatro anos, ela, sua família e amigos ficaram assustados com a notícia. A quimioterapia se tornou rotina. Roberta perdeu os cabelos, mas nunca a esperança.

“Sofri bastante, emagreci bastante e fiquei bem debilitada. Mas com garra, com coragem, com força e com fé, principalmente a fé soube que tudo daria certo”, afirma.

E, assim, o sonho se realizou. “Graças a Deus eu já sabia que eu era muito amada. Mas com o apoio durante o tratamento e com esta festa, eu descobri que eu sou verdadeiramente amada. Obrigada por tudo, amo cada um de vocês”, finaliza a noiva, em uma das noites mais felizes de sua vida.

Comentários

Últimas notícias

Colunas