Voz do MS

Economia

Fibria afirma que negociação com Suzano não foi concluída

Redação

[Via Correio do Estado]

A especulação gerada em torno da possível venda da Fibria, uma das maiores empresas de celulose do mundo, começou a ter contornos mais definidos nas duas últimas semanas, com a divulgação que dois grandes grupos já ofereceram propostas de compra: a Suzano  e a Paper Excellence, proprietária de 49% da Eldorado Brasil.

Presente em quatro estados brasileiros, entre eles Mato Grosso do Sul, no município de Três Lagoas, a Fibria informou por meio de nota oficial que já consultou os acionistas controladores (Votorantim S.A. e BNDES Participações S.A.) e obteve o seguinte retorno:

“Estamos mantendo discussões com a Suzano e seus acionistas controladores, com vistas a avaliar possível negócio envolvendo as duas corporações. No entanto, as partes envolvidas ainda estão analisando as eventuais possibilidades e não há definição dos termos e condições para a conclusão de um possível negócio”, pontua o comunicado.

PROPOSTAS

Em publicação divulgada hoje (12), o jornal Valor Econômico antecipou que a Suzano já fechou toda estrutura de financiamento para a compra e o negócio foi avaliado em até US$ 12 bilhões, ou seja, algo próximo de R$ 70 reais por ação. Considerando o último fechamento do papel, a Suzano pretende oferecer um prêmio de 3,6% pela concorrente.

O cenário ficou mais acirrado com a oferta inesperada da Paper Excellence, que resolveu entrar no páreo oferecendo R$ 67 por ação mais variação do CDI (Certificado de Depósito Interbancário) até a conclusão do negócio, como uma cláusula avaliada em R$ 4 bilhões para assumir todo o risco da operação caso a transação não se concretize.

Analistas de mercado compararam as duas propostas e apontaram que o valor por ação oferecido pelas duas empresas equivale a R$ 70 reais por ação. No entanto, no entendimento dos especialistas, a Suzano está um passo à frente da rival visto que já apresentou uma proposta completa. Outro fator que concede fôlego a proponente é que a Paper Excellence acabou de desembolsar R$ 15 bilhões pela Eldorado Celulose.

No comunicado regional da Fibria, a empresa se comprometeu a comunicar os eventuais desdobramentos do assunto, mas reforça de que não é parte dessas negociações, coordenadas pelos acionistas citados, e por isso não pode antecipar nenhum esclarecimento adicional.

 

Comentários

Últimas notícias