Voz do MS

Política

Athayde deixa Cultura e diz que vai enfrentar Marcos Trad

Redação

[Via Correio do Estado]

O ex-secretário de Cultura do Estado Athayde Nery, em entrevista ao Correio do Estado, reforçou que não vai ser realocado à pasta e que pretende desenvolver projeto para enfrentar o prefeito Marcos Trad (PSD). “2020 está aí, estamos construindo projeto para 2020, projeto alternativo para Prefeitura de Campo Grande, enfrentaremos o Marquinhos”, declarou Nery.

O ex-secretário pediu exoneração do cargo e disse que pretende trabalhar em projeto alternativo de candidatura. “Vamos construir projeto, já fui candidato, não fujo desa responsabilidade, essa foi a primeira vez que não fui candidato (eleições de 2018) e isso me deixou bastante angustiado”, disse Nery.

A ideia de Athayde é de trabalhar durante o período que antecede às eleições de 2020 para prefeito da Capital. “Tem dois anos para construir esse viés alternativo”, planejou ele.

Nery desejou boa sorte ao presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (PSL), mas disse que não compactua com suas propostas. “Desejo todo sucesso a ele, mas não votei nele, tem que construir discurso que não seja homofóbico e essa é a chance de fazer chamamento”, declarou.

O ex-secretário lembrou também que a ideia de sair da equipe do secretariado de Azambuja aconteceu no momento em que o governador fundiu a Secretária de Cultura com a Secretaria de Governo (Segov). “Quando foi mandado projeto  (Reforma Administrativa do governo) eu já tinha saído, mas fiquei até o momento de transição a pedido do governador”, explicou ele.

Athayde disse também que todas as ações da pasta foram passadas para o secretário da Segov, Eduardo Riedel. “Eram vários processos e para que não acontecesse o interrompimento, fizemos o fechamento contábil”, disse ele.

O governador disse, anteriormente, que revelaria quem ficaria no lugar de Nery no dia 2 de janeiro, um dia depois da posse do secretariado, porém, substituto de Athayde não foi divulgado. “Se tem um nome ainda não sei quem é”, finalizou.

Comentários

Últimas notícias